sábado, 13 de abril de 2013

Palavras para alma



Nos últimos dias sofri um verdadeiro bombardeio de opiniões e ideias, que na maioria das vezes, não pedi. As pessoas têm por hábito despejar suas insatisfações nos outros, mas nem sempre queremos ouvir as opiniões ácidas... As vezes é preciso evitar o desgaste! 
Salomão, o homem mais sábio que já viveu, disse “as palavras suaves são favos de mel, doces para a alma, e saúde para os ossos.” Isso me faz pensar que as palavras amargas fazem mal não somente aos nossos ouvidos, mas a nossa alma e ao nosso corpo. Entendam, somos livres para ter e expressar nossa opinião sobre qualquer assunto, mas precisamos encontrar alguém que queira ouvir (ou ler) esta opinião! Eu não queria me alimentar daquilo que estavam despejando sobre mim! Certas coisas não me dizem respeito, não me interessa saber o sexo dos anjos, eu não quero encher minha mente e meu coração daquilo que rouba minha alegria, minha tranquilidade. O pior daqueles que já perderam a esperança é tentar tirar a esperança de quem os cerca. Vamos nos preocupar em transmitir aos outros, palavras de paz, de esperança... Palavras que alimentem as almas que precisam de doçura e acalanto. Sejamos  fonte de água limpa, não de águas amargas!

Bom fim de semana a todos!


Um comentário:

  1. Eu me alimento de todas as suas doces e sábias palavras!! Sempre me identifico!!!

    ResponderExcluir