Confidência

“Procurando nos meus sonhos [...] Inventando um caminho, libertando quem realmente eu sou. A vida é assim, não vem com manual e só perde quem não corre atrás, quem não joga o jogo por ter medo de errar... Mas quem se sente pronto pra viver?”
Quem eu sou, Sandy Leah
... E quem há de se revelar por completo? Não conheço quem se mostre por inteiro, quem não escolha com rigor as palavras que contam sua história. Tenho um vocabulário secreto composto por palavras que só eu sei o quanto cortam e fazem sorrir. Palavras que descrevem momentos, apresentam personagens e justificam o caminho que escolhi, as rotas que tracei. E hoje ao lembrar do que ficou no relicário intocável das lembranças, lugar em que cuidadosamente guardo minhas palavras, fui capaz de ver onde errei, onde me perdi e principalmente, onde me tornei a mulher que sou.

1 comentários:

  1. É isso aê. Certíssima. Libertar quem se é não é fácil, muito menos ter muita coragem sem medo de errar.

    Mostrar tudo o que se é dá espaço para as más interpretações. Aí fica a escolha: ser si mesma sem se importar com os outros ou se adequar ao padrões do meio?

    Como dizia meu professor:"Normal é o que seu bando aceita!" Se você parece estranha em seu bando é porque não pertence a ele. Melhor procurar outro e ser você mesmo(a)...libertar e descobrir que se é, jogar o jogo sem medo e ficar pronto(a) para viver!

    Bjs amiga

    ResponderExcluir

 
Blog da Ana Santos Blog Design by Ipietoon