E a Feiurinha?

Cheguei do trabalho um dia desses e estava passando num canal da TV a cabo “Xuxa e o mistério da feiurinha”. Claro que eu parei pra assistir, afinal de contas, preciso ter assunto com minhas sobrinhas (cof cof, cara de pau, cof cof), né?
O filme conta a história das princesas que chegam ao mundo real para investigar o sumiço de Feiurinha, que desapareceu porque sua história não era escrita nem passada de geração a geração verbalmente.
Ontem, enquanto encarava o engarrafamento diário na volta pra casa, me lembrei do filme, principalmente, do que a Cindy (a Cinderela, dãã) disse: “se não tem quem conte a história de uma princesa, então ela está fadada ao esquecimento”. Traduzindo para o mundo real: se não tem quem conte sua história, um dia as pessoas se esquecerão de você. 
Nem sempre a personagem principal do que escrevo aqui no blog sou eu. Algumas vezes as personagens são preservadas ganhando outros nomes. Em alguns momentos me coloco no lugar delas (personagens) para contar o que viveram e sentiram. Não importa se escrevo bem ou não, ou se pessoa continua em minha vida ou seguiu outro caminho, o que importa é que suas histórias foram eternizadas, foram escritas e contadas. Seus destinos foram conhecidos e serão lembrados enquanto houver blogosfera.
É por isso que estamos aqui: para testemunhar a vida uns dos outros, para compartilhar aprendizados e histórias, multiplicar os sorrisos e espalhar a felicidade.  A minha missão como alguém que escreve (e entenda-se apenas escrever, sem pretensão de escrever bem ou publicar livros) é tornar conhecida a história de quem está a minha volta e me influencia; a minha história, que é escrita dia após dia, em cada esquina, em cada livro ou música, em cada suspiro ou ausência de fôlego.
Enfim, não foi nenhum filme do Almodóvar ou Woody Alen, mas com certeza, não doeu assisti-lo.
____________________________________________________
Em tempo: Lembro-me de ter lido no Ensino Médio o livro de Pedro Bandeira O Fantástico Mistério de Feiurinha, e 'super recomendo'.

5 comentários:

  1. Acho que Deus nos permite escolher pessoas certas para fazer parte de nossa história e compartilhar nossos momentos.E é muito bom saber que existem amigos que realmente se preocupam em participar de nossas vidas, de nossas alegrias ou tristezas. Nunca passamos despercebidos, sempre há alguém nos observando, seja apenas para observar ou para tirar algo qe sirva para si.
    Lili.

    ResponderExcluir
  2. Hoje em dia as pessoas se preocupam tanto em tomar conta da vida dos outros, e se esquecem de anunciar as coisas boas que vivemos uns com os outros, parece que os erroas são mais louvaveis do que as boas ações e os momentos de diversão e alegria. É sempre bom espalhar pra todos o que vivemos de bom e o que os momentos mais simples da vida sempre nos reserva. Então fassamos amizade e pronunciemos as coisas que compartilhamos com essas pessoas.
    Viva a lembrança e aos amigos.....

    R. C. T. S.

    ResponderExcluir
  3. Oi, querida!
    Vim agradecer a visita e o carinho... adorei seu blog! Vamos juntas nessa batalha... ou melhor, nessa aventura da dieta coletiva, rsrs, assim fica mais divertido!
    Conte sempre comigo!

    beijos

    ResponderExcluir
  4. Ah, ainda em tempo... Feliz 2011!!!

    bjs

    ResponderExcluir
  5. Então, não deu pra passar ontem. Fui ao médico e voltei mais tarde do que imaginava. Parabéns pelo blog e pelas matérias todas. Ainda acho que vc deveria ir pra oficina de autores da Globo, mas tudo bem!
    Beijocas 1.000
    Rosinei

    ResponderExcluir

 
Blog da Ana Santos Blog Design by Ipietoon