segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Por toda a minha vida



A lua surgiu majestosa mais uma vez e invadiu, sem cerimônia alguma, a janela do nosso quarto. Enquanto escrevo sob esta luz, observo você tentando se concentrar no noticiário, em alguma notícia irrelevante sobre novos ministros ou presentes de natal.

Saber que você está aqui, ao alcance de minhas mãos, me traz paz, me faz refletir como tenho sorte em estarmos juntos, apesar de todas as diferenças e dificuldades. São as nossas diferenças que nos aproximam e nos completam, mas suas virtudes me fascinam.... Adoro quando você adivinha meus pensamentos e me deixa sem graça; quando rimos por alguma bobagem; quando você vai espontaneamente para cozinha (ainda que isso signifique o triplo de louças para lavar); quando faz massagem em meus pés sem que eu peça. Amo a forma como me acalma, como me dá tranquilidade para encarar qualquer situação, mas principalmente: amo seu jeito de me despertar. O seu modo de me acordar às 4:45h com carinhos e o café do jeitinho que gosto, é algo mais do que especial, é algo único e que só você é capaz de fazer. Eu não trocaria isso por nada no mundo, meu amor. Saber que você levanta da cama mais cedo só para que a minha felicidade seja completa ao acordar, faz com que me apaixone todos os dias novamente por você, faz com que meu coração se encha de alegria por estar ao seu lado.

Agora, enquanto descrevo as "particularidades" sobre seu jeito de me acordar, você sorri e me pergunta se ainda demoro a ir para a cama. Quer saber? Já estou indo, meu amor. Não vejo a hora de dormir nos seus braços para que amanhã você possa novamente me acordar, pois, eu poderia acordar dessa maneira por toda a minha vida.




______________________________________________
Ao som de Vanessa da Mata -  "Ainda bem"
Segundo colocado na 2ª edição gênero-situação do Projeto Creativite

3 comentários:

  1. Maravilhosa tua participaçãoi,Ana! um beijo,tudo de bom e desejo um lindo e feliz NATAL! chica

    ResponderExcluir
  2. Olha, até eu quero alguém assim ;D
    Menos a parte de me acordar às 4 da manhã, uhahuahuuha ;DD
    Agradecemos a participação *---*
    Parabéns :D

    ResponderExcluir
  3. Ai amiga, por um instante eu esqueci q queria te matar por ter pintado os cabelos de preto. Nossa, q linda declaração de amor. É por essas e outras q eu ainda acredito em casamentos felizes (apesar das diferenças).

    Déborinha

    ResponderExcluir