A espera de Mariana

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

"Espero que nessa primavera eu possa tê-la em meus braços, minha doce Mariana.
Espero que as flores perfumem a sua chegada e o sol seja brando com sua pele. Espero ver seu sorriso, descobrir com quem você se parece, sentir o cheiro da sua pele... É inevitável imaginar seus pés tão pequeninos, a cor dos olhos, o som de sua voz... Imaginá-la me chamando pela primeira vez de mamãe...
Já te amo tanto e desejo tanto sua felicidade, que dedico horas pedindo ao Senhor Ele lhe proteja a todo instante. Durante minhas orações, lembro-me de agradecer pelo milagre que é esperar por você
Nasci para ti antes de haver o mundo, minha pequena Mariana, e a minha espera por você fica maior a cada dia, e ao passo que vejo você se formando em meu ventre, meu coração se enche mais e mais de alegria.
Ao caminhar por alguns jardins, fico imaginando suas pequenas mãos tocando as flores, descobrindo a delicadeza das pétalas, tão suaves quanto sua pele. Eu não poderia recebê-la em uma estação melhor, sempre considerei primavera a estação mais alegre de todas, a mais perfumada, e agora, a primavera se tornou a mais festiva, a mais desejada de todas, por você!
Sei que muitas primaveras irão passar, mas nenhuma será tão especial quanto esta, quanto a nossa primavera juntas, quanto a primavera que ganhou a mais bela flor: você!
____________________
Texto fictício para a
13º Edição do In Verbis.

2 comentários:

  1. Muito linda e emocionante tua participação!beijos,boa sorte!chica

    ResponderExcluir
  2. Linda participação. Sublime texto. Parabéns pelo pódio merecido.

    Beijos

    ResponderExcluir

 
FREE BLOGGER TEMPLATE BY DESIGNER BLOGS