terça-feira, 13 de abril de 2010

Beijo!



Na última sexta-feira estava ouvindo um programa no rádio e descobri que hoje, 13 de abril, é o dia do beijo. Cheguei a comentar na sala com meus colegas de trabalho e me espantou um dizer que é só mais uma data comercial. Comercial? Fala sério, o máximo que se pode gastar para agradar nesse dia é com Halls e Clouse-up! Como beijar é bom, né? Beijo de mãe, beijo entre irmãos, beijo dos amigos, beijo apaixonado, beijo cheio de saudade, o quase beijo que vale tanto quanto se tivesse acontecido, o beijo com vontade e tantos outros.

Beijo de mãe é o primeiro beijo que a gente conhece. Mãe parece ter a mania de querer beijar por qualquer motivo. Toda hora beija e algumas crianças se irritam com isso. Outra coisa que mãe tem mania é de querer que a criança beije qualquer “tio” ou “tia” que apareça pedindo um beijinho. Se o pimpolho não está a fim, não beija. É chato beijar só porque a mãe mandou. (se algum dia for mãe, tentarei lembrar disso!) Alguns tem família beijoqueira. Pai, mãe, irmãos, tios, tias, avós, todo mundo se beija, mas também algumas pessoas são frias, secas e não conseguem demonstrar afeto, carinho, com beijo...

A gente cresce e começa a ouvir do poder mágico do beijo apaixonado. As mulheres principalmente! Desde muito cedo aprendemos que o beijo apaixonado livra qualquer uma das garras de um feitiço, encantamento, perdição. E aí gente cresce um pouco e percebe que é através do beijo que se pode ficar enfeitiçada, encantada e acabar se perdendo (ou se achando), mas é melhor não entrar no mérito, rs*. A questão é que todas nós já nos vimos naquela situação do “beija ou não beija”, (em qualquer idade, fase da vida isso vai acontecer em algum momento!) e haja adrenalina! Pra começo de conversa, não se começa um beijo anunciando ou pedindo um beijo, ou então toda a magia do beijo acaba com a pergunta, com o aviso! (O único pedido de beijo aceitável está na música do Sixpence None the Richer, que está tocando ali em cima, e só porque a música é gostosinha!) Muito tempo atrás eu escrevi uma crônica sobre o desejo que a boca tem de beijar alguém, e lembro que umas amigas na época se chocaram com isso. Gente! Não vou ser hipócrita ou pudica, a boca pede o beijo! Parece que ela ignora todas as outras funções para isso! Na verdade, a boca só pede o beijo depois que ele já aconteceu, no mínimo, com olhos. Você conhece a pessoa e fica imaginando o beijo, olha pra boca tentando descobrir como vai ser, (tenho uma amiga insana que ficou pensando se o pretendente a namorado tinha cárie ou não antes de beijá-lo! Mas ela é louca e dentista, então... deixa pra lá!) e quando percebe, já beijou, no pensamento, na fantasia, mas já beijou! Quando ele sai do imaginário e parte para a realidade é que pode ser ouvir sinos ao fundo (Os Normais kkk) ou torcer para acabar logo porque é ruim de doer! (Breve consideração sobre os beijos ruins: o beijo pra ser bom tem que combinar tato, olfato, paladar e sentimento. Se faltar um desses ingredientes, já era, o beijo vai ser ruim!) 
Voltando a falar de beijo bom... Tem aqueles beijos cheios de vontade, de saudade e que não interessa se estão em público ou a sós, o beijo acontece e parece cena de cinema. Pode ser na chuva, no aeroporto, no ponto de ônibus ou no mercadinho da esquina, se as duas bocas se encontrarem, fotografe, pois pode estar aí o próximo beijo da novela das 20h.

Acabei encontrando alguns sites que falam dos tipos de beijo que existem (quem quiser eu mando o material que achei por e-mail) e fiquei surpresa em saber que existem técnicas de beijo. Ou seja, se a pessoa que está com você não tem o beijo assim uma Brastemp, você pode comprar um livrinho pra ela e ir praticando,rs* (Elementar, meu caro leitor!)

Bem, sou adepta da teoria de que o melhor tempero é a fome, então não importa se estou beijando mãe, irmão, amor, amigas, eu tenho que beijar com vontade. Nada de só encostar as bochechas ou um selinho mixuruca... Bom é beijar de verdade, com vontade e sem restrições. Por isso, para todos que passam por aqui, eu deixo um beijo! Agora é com você... Vá batalhar pelos outros beijos do dia, aproveite que é de graça e faz um bem danado!!!


4 comentários:

  1. Bom dia, minha escritora preferida!!!!!!

    Tenho que achar uma boka especial hoje para comemorar esse data "Comercial". kkkkkkkkkkkkkkkkk
    Como vão as coisas? Sei que está bem. Ontem eu ri muito com a história dos nuggets. Como sempre acontece, eu me transporto na leitura e fiquei imaginando vc no mercado, o encontro com a sua amiga e tudo mais.
    Vc está de Parabéns!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    bjs no coração!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    Selma Vargas

    ResponderExcluir
  2. vou beijar muuuuuuuuuuuuuiiiitooooooooooo hoje! rsrsrs...
    Bjs, miguxa!
    Seus rascunhos estão cada dia mais lindos! Adorooo!!

    ResponderExcluir
  3. Eitcha....
    Então o negocio é aproveitar a data "comercial" e gastar dolares em Halls e Chicletes...kk e beijar muitoooooooooooooo

    Sil Machado

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto, você é demais!!

    ResponderExcluir