quinta-feira, 11 de março de 2010

Lembranças de uma declaração de amor

Meu Universo é Você by Roupa Nova on Grooveshark
Luisa não consegue lembrar deste amor, nem mesmo de tanta felicidade, mas soube ao encontrar a carta já amarelada, que não foi apenas amada, foi desejada por toda uma vida.

Minha doce Luisa, 

Será possível rasgar os contratos, os termos, o tempo perdido e voltar atrás só pra dizer que te amo? Ainda posso fazer deste amor a nossa segunda chance para felicidade! Os desencontros que tivemos não podem ser maiores do que o amor que podemos viver. Eu serei para sempre teu e você, para sempre minha. Não irei jurar pela lua ou pelos céus, pois qualquer juramento poderia ser infiel ao meu amor, mas daria minha vida pelo teu sorriso nas manhãs de sábado, pelo teu carinho numa
noite fria. Deixaria todos para trás, todas as minhas histórias, livros, fotos para começar ao teu lado a minha vida de verdade. É com você que quero envelhecer, ver o tempo passar e não me arrepender das escolhas que fiz. É você a mulher que escolhi para ser a testemunha da minha vida. É você a única que quero fazer feliz, que vou desejar todos os dias, que sentirei saudades quando estiver longe e acariciar quando mais perto chegar. É para você que irei cantar quando perder o sono, que irei falar minhas tolices, dividir meus números favoritos e levar para ver o por- do -sol. Os livros irão falar sobre nosso amor, as canções serão feitas por nossos sorrisos. Perderemos o fôlego juntos, dançaremos na rua, deixaremos bilhetes no espelho, compraremos flores para enfeitar nossa casa. Farei você sorrir tanto quanto você me tirará do sério. Eu quero amá-la hoje e até o infinito. E não importa se tanto tempo já se passou, o que iremos viver será maior e mais completo que o tempo perdido, por isso eu te peço: nos dê a chance de viver esta felicidade tão sonhada.

8 comentários:

  1. Show de bola amiga!!!!
    Lindo d+++++


    Ana Paula Ricardo

    ResponderExcluir
  2. Pseudonamoradinho

    Como você pode ser tão estúpido? Oito anos perdidos! Oito anos da minha
    juventude, do meu tempo, da minha disposição em conhecer você, cada
    detalhe banal e fútil, suas manias, seu jeito de agir. Leio seus
    pensamentos, garoto! Sei que cor estavam os seus olhos quando ela te viu
    pela primeira vez, simplesmente por que sei que cor são seus olhos a
    cada tipo diferente de exposição de luz, por que eu reparo em você, eu
    já tracei um mapa do seu rosto na ponta dos meus dedos e conheço cada
    traço. Assim como conheço seus defeitos e suas qualidades, seus medos e
    desejos, o tipo de mulher que você acha perfeita. Eu poderia escolher
    pra você e mesmo assim não estaria satisfeito e eu me pergunto porque?
    Porque de repente, apesar de eu não ser fisicamente o seu tipo de mulher
    perfeita é comigo que você gasta suas melhores horas, é comigo que você
    pode desabafar tudo, suas fantasias, suas saudades dos sobrinhos, seus
    projetos, seus sonhos. Sou eu a garota que você apresenta para os amigos
    com orgulho quando saímos juntos, sou aquela que você morre de saudades
    todos os dias e quando volta de viagem é a primeira que você quer ver,
    abraçar. Dividimos os mesmos sonhos, minha vida tá alinhada com a sua há
    tanto tempo que nem sei mais quanto de mim tem em você e quanto de você
    há em mim.
    Eu sou a garota com quem você deseja compartilhar momentos, mas não sou
    aquela que você deseja nos braços? Você me ama e não vê. Vive procurando
    algo melhor do que eu e quando não encontra vem se enroscar no meu
    cafuné, esperando que eu te espere pra sempre. Eu te amo, mas basta, caí
    fora. Eu mereço mais! Eu quero mais e vou atrás, não de você. Vou viver,
    não pra você, não mais pra me dedicar a te entender. Estive aqui por
    tempo demais e você não soube ver. Que pena pra você, pois eu te vi.
    Adeus. Pra sempre bom amigo, mas nada mais de pseudonamoradinho.

    Essa é a minha declaração de amor, ou quase se algum dia eu tiver coragem de fazê-la...

    :: Lidiane Arsenio

    ResponderExcluir
  3. Olá Aninha!
    Só passei para dizer oi. Você é dez.
    Bjs.

    Telma Bueno

    ResponderExcluir
  4. Menina,

    Gostei muito do novo layout do blog.
    Sei que algumas coisas precisam ser ajustadas, mas acho que pode seguir nessa direção.
    Só senti falta da sua foto/descrição sua.

    Quanto aos textos, você tem talento já te disse isso.
    Pra mim já é uma escritora, a publicação da obra é só uma questão de tempo.
    Continue nessa força (mesmo que nem sempre dê vontade!)

    Beijosssss

    Glaucia Montes

    ResponderExcluir
  5. lindo texto... vc tem escondido o ouro hein!! a cada dia q passo me surpreendo com os teus textos... Deus continue te abençoando


    Ass: Maria Susana

    ResponderExcluir
  6. Querida, como sempre arrasando nos textos. Lindo demais!!!! Me vi nele há 03 semanas atrás, uma pena que tive que acordar do sonho, mas mesmo assim foi 10. Quando será o lançamento do seu livro??? rsrsrsrs
    bjs, te adoro muito minha estúpida favorita. Vc é uma mente brilhante!!!!! Que Deus te abençoe sempre e ilumine sua vida cada vez mais. Vc merece.

    ResponderExcluir
  7. Lindo o texto minha querida!!! Viajei nele. Vivi apenas 02 semanas essa declaração toda,mas infelizmente acabou. Mas foi válido, pois tudo nessa vida é um aprendizado. Continue assim pq vc irá longe. Quando será o lançamento do livro? rsrsrs Que Deus continue sempre te abençoando e te iluminando. bjs no coração, minha estúpida favorita e fã número 02, pois sei que o Robson é o 01. rsrsrsrs

    ResponderExcluir