Eu precisava de alguém como você!


Ao som de Jota Quest, Do seu lado


Você é irritante, acha que sabe de tudo e seu orgulho não permite que peça ajuda. Eu sou chata, controladora e irônica. Detesto a forma como dirige e você ainda não aprendeu a lidar com minha TPM. Para mim, o mundo é exato, enquanto você ainda luta por ideais atropelados pelo capitalismo. Você me escuta quando reclamo do meu orientador do TCC, eu me transformei em sua musa de AllStar e viciada em Coca-Cola. Eu viajaria o mundo, você não sairia do bairro. Você critica minha tatuagem desbotada de arroba, enquanto te incentivo a escrever seu sonho em livros. Você sempre disse que seria mais fácil me odiar do que gostar de mim. Eu sempre falei que não fazia questão de ser sua amiga. O óbvio seria nos odiarmos, mas o destino nos contrariou, nos pregou uma peça e enquanto eu te vejo sorrindo preguiçosamente no meu sofá, me pergunto por que demoramos tanto a nos dar conta da lição que ele queria nos ensinar: não somos perfeitos, mas somos exatamente o que precisávamos; somos incríveis e inseparáveis!

0 comentários:

Postar um comentário

 
Blog da Ana Santos Blog Design by Ipietoon